A História do Pedrito Coelho- livro

capapedritocoelho

A história do Pedrito coelho / Beatrix Potter ; trad. Manuela Junqueira. – Porto : Civilização, 2009. – 29 p. : il., col. ; 20 cm

«Este volume inaugural da autora inglesa mais marcante da primeira metade do século XX, Beatrix Potter, é agora reeditado, em pequeno formato e com ilustrações de grande qualidade. (…) »

Continuar a ler recensão de Ana Margarida Ramos» in Casa da Leitura

Ficha da wook

A História do Pedrito Coelho- livro

ahistoriapedritocoelhoverbocapa

A história do Pedrito Coelho / Beatrix Potter ; trad. Maria Isabel de Mendonça Soares. – Lisboa : Verbo, D.L. 1990. – 58, [1] p. : il., col ; 15 cm. – (Pedrito coelho ; 1)

Ver livro digitalizado aqui

A capa desta edição parece ser em tudo semelhante à capa da 1ª edição comercial de The Tale de Peter Rabbit em 1902.  Ver aqui

A História de Pedrito Coelho – texto

«ERA uma vez quatro coelhos pequeninos chamados Flopsi,
Mopsi, Rabinho-de-Algodão e Pedrito.
Os coelhinhos viviam com a mãe numa toca quentinha,
escavada sob as raízes de um enorme abeto.

- Ora bem, meus queridos – disse a Senhora Coelho certa manhã
-, podem ir para os campos ou passear pelo caminho abaixo, mas
não vão para o quintal do Senhor Gregório.
O vosso pai teve lá um acidente e acabou metido numa empada pela Senhora Gregório.

- Vá, vão lá e não se metam em sarilhos. Eu tenho de sair.

A Senhora Coelho pegou no cesto e na sombrinha e foi à padaria pelo
caminho da floresta.
Comprou um cacete de pão escuro e cinco pães de passas.

Flopsi, Mopsi e Rabinho-de-Algodão, que eram coelhinhas bem-comportadas, foram apanhar amoras na beira do caminho.
Mas o Pedrito, que era muito malandro, foi logo a correr para o quintal do Senhor Gregório, esgueirando-se por baixo do portão!”
Continuar a ler aqui

…………………………………..

Nota: qualquer pessoa pode fazer uma tradução do texto original em inglês que “caíu” no domínio público e se encontra aqui
The Project Gutenberg EBook of The Tale of Peter Rabbit, by Beatrix Potter

“The Tale of Peter Rabbit …” da série “The world of Peter Rabbit”

1ª parte do 1º episódio  “The Tale of Peter Rabbit and Benjamin Bunny” (em português Benjamin Bunny torna-se no Coelho Casimiro…)

Da série televisiva inglesa The world of Peter Rabbit (originalmente divulgada entre 1992 e 1995) baseada nos desenhos e nas histórias de Beatrix Potter.
Ler artigo wikipedia (en.)

Existe em DVD: “Pedrito e os seus amigos”

“The world of Peter Rabbit”- (série) Introdução

ou Como tudo começou…

Introdução da série televisiva inglesa The world of Peter Rabbit (originalmente divulgada entre 1992 e 1995) baseada nos desenhos e nas histórias de Beatrix Potter.  (Ler artigo na wikipedia.en sobre a sére)

letter1893Esta breve mas significativa introdução podia também chamar-se “como tudo começou”. Com efeito, vemos Beatrix Potter refugiar-se em casa onde a esperava o seu amigo coelhito que a incentiva a escrever umas cartas. E ouvimos Beatrix dizer:
«Oh, Peter! Yes, you are quite right. I should get along with all those letters to the children. (…)  Little Noel is unwell again. Poor child.  Let’s see if we can cheer him up. » 

Beatrix Potter pega então numa carta já iniciada e começa a ler:
“My dear Noel,
I don’t know what to write to you, so I shall tell you a story about four little rabbits whose names were – Flopsy, Mopsy, Cottontail and Peter.
They lived with their mother in a sand bank under the root of a big fir tree. (…)” »

Trata-se da história do Pedrito Coelho, Peter Rabbit, tal como hoje a conhecemos. E este menino, a quem ela escreveu em setembro de 1893, existiu mesmo: era o filho de uma sua antiga preceptora e tinha então 5 anos de idade.

Fonte da imagem: clicar para ler a história com mais detalhes e toda a carta. 

“Perfect Day” – “Dia Perfeito”

Esta canção, cantada por Miriam Stockley, foi o tema para a série televisiva da programa da BBC “The World of Peter Rabbit and Friends”, que passou na televisão entre 1992 to 1995. A canção foi escrita por Colin Towns, e tornou-se desde então como “O tema ou canção do Lake District”, região onde viveu Beatrix Potter. ( fonte).

Perfect DayThe rain has moved on
And left a new day
Nothing seems to move
everything is still
It’s just a perfect day

The shadows and light
That move with the wind
Hidden violets grow
splashed with summer spray
Just another perfect day

On the wild and misty hillside
Fear is nature’s warning
Hunger here is never far away(Instrumental)
And all of this world
Is for children who play
Days that never end
always should remain
Another perfect day 
Dia perfeito
(tradução in the making)

A chuva desanuviou
E deixou um novo dia 
Nada parece mover-se
Tudo está em quietude
É apenas um dia perfeito.

Luzes e sombras
Movem-se com o vento
Violetas escondidas crescem,
Salpicadas com o orvalho do verão
É apenas outro dia perfeito.

Na encosta  agreste
e nebulosa da colina
O medo é o aviso da natureza.
A fome aqui nunca anda longe..
….
(Instrumental)
E tudo neste mundo
É para as crianças que brincam.
Dias que nunca terminam
Para sempre deveriam perdurar.
Outro dia perfeito.
 

Notícia: Uma rara primeira edição do Peter Rabbit à venda

thetaleofpeterrabbit

É a “estrela” da colecção de Mark Ottignon:  uma edição (250 exemplares) que Beatrix Potter pagou do seu bolso em 1901 depois de ter sido recusada pelos vários editores que contactou.

Mark Ottignon, o colecionador, decidiu pôr à venda todas as peças da sua enorme colecção por “já não ter mais nada para adquirir”.

Ler notícia aqui

Imagem: do catálogo da coleção

Ver as duas primeiras edições aqui.

“Sonho no armário. Um breve olhar sobre a obra de Beatrix Potter um século depois” -Ana Margarida Ramos

«Resumo: Texto sobre a obra para a infância de Beatrix Potter, este breve ensaio identifica  as principais características das publicações da autora inglesa, dando especial relevo à interacção entre texto e imagem. A reflexão abrange igualmente a questão da actualidade da obra e da adesão de diferentes gerações de leitores, sublinhando a dimensão lúdica dos livros, associada à recriação de situações do quotidiano promotoras de reconhecimento e de identificação.» Originalmente para: Das Artes, das Letras – Suplemento Cultural de O Primeiro de Janeiro, 18 de Fevereiro  de 2008.

“O Sucesso de Peter Rabbit ” por Maria Luísa V. de Paiva Boléo

(excerto de Beatrix Potter.  Coelhos com alma, texto de Maria Luísa V. de Paiva Boléo (2005)

image«Em 1900, Beatrix acabou de escrever um livro para crianças, mas, como é costume acontecer na vida de grandes escritores, as seis editoras a quem enviou o seu manuscrito recusaram-no impiedosamente. Mas a futura escritora estava determinada e como tinha o seu mealheiro bem cheio, decidiu editar ela própria o seu primeiro livro infantil, onde cada página tinha de um lado o texto e do outro uma ilustração.

Em Dezembro de 1901, apareceram no mercado 250 exemplares do livrinho com o título A História de Peter Rabbit. thetaleofpeterrabbitO sucesso foi considerável e passados três meses Beatrix já mandara fazer mais 250. Em 1902, havia cópias pirateadas nos EUA. Adivinhava-se o enorme sucesso.
Beatrix Potter tinha então 36 anos e propôs, ao editor que lhe escrevera a carta menos agressiva a dizer não, a publicação a cores, visto que a edição dela era apenas a preto e branco. O editor aceitou com muito agrado. (carregar na imagem para ver estas primeiras edições)

Depois deste sucesso modesto, a vida de Beatrix tomou novo rumo. Em nove anos escreveu e ilustrou mais de vinte livros. Aparentemente desinteressada pelo casamento, a verdade é que se suspeita que tencionava casar com o seu grande amigo Norman Warne, o mais novo dos três filhos do seu editor, mas uma doença súbita vitimou-o. A tímida burguesa que era Beatrix acreditou que tinha morrido com ele a esperança de uma vida sentimental…

Apesar de desolada com o desgosto, as libras que ganhara com o seu trabalho, e sem a aprovação dos pais, decidiu comprar Hill Top, uma pequena quinta a cerca de duzentos quilómetros a Norte de Londres e, para dar um sentido aos campos, também lá colocou um rebanho de carneiros.  (…) »

Continuar a ler in O Leme – Biografia e desenhos de Beatrix Potter, criadora do Peter Rabbithttp://www.leme.pt/biografias/beatrix-potter

Publicado também no Scoop.it - PORTEFOLIO

O Mundo Encantado de Beatrix Potter – filme e livro

Trailer do filme biográfico sobre Beatrix Potter


(ver trailer legendado)
O guião de  “O Mundo Encantado de Beatrix Potter” resultou num livro homónimo: O Mundo Encantado de Beatrix Potter por  Richard Maltby, Jr. (2007), pulicado pela Civilização Editora

Ler sinopse e uma opinião aqui